JOGAR TEATRO? O QUE É?

Assim como um jogo de futebol tem uma equipe e objetos característicos (os jogadores, o técnico, o campo, a bola, a torcida), o teatro também tem: o(s) ator(es), o diretor, o palco, os objetos cênicos e a platéia (e pode aumentar: dramaturgo, figurinista, cenógrafo, maquiador, técnico de luz, entre outros). Em ambos os jogos existem regras e, se nós as entendemos, podemos jogar juntos!

Assim como no futebol, no teatro as diferentes funções jogam juntas para o gol.

Veja o papel de cada um:

Dramaturgo: Escreve (cria ou adapta) o texto a ser representado.

Diretor: Responsável pela organização da equipe. O olhar externo que dá unicidade ao espetáculo. É o diretor quem auxilia na “linguagem” a ser usada para transformar um texto numa peça. Algumas vezes, ele pode fazer isso em parceria com os atores; outras vezes, ele escolhe e orienta o restante da equipe para que o espetáculo seja levantado.

Ator: É o jogador. A pessoa que, com seu corpo e voz, encena e dá vida aos personagens da peça.

Cenógrafo: Cria o ambiente onde ocorre o espetáculo. Pode ser desde a resignificação de um espaço (uma escada que vira uma montanha) até a elaboração de um grande cenário. Também cria junto com o figurinista os objetos a serem usados nas cenas (chamados de objetos cênicos).

Figurinista: Cria os figurinos (roupas especificas dos personagens) do espetáculo. Pode ser um figurino criado e costurado especialmente para a peça ou roupas de brechós e junção de peças que definem o personagem. O importante é que, com a ajuda do figurino, a platéia perceba as características dos personagens.

Maquiador: Responsável pela criação da maquiagem dos atores. Lembrando que, mesmo que o personagem seja uma pessoa comum, o maquiador precisa realçar os traços do ator para que ele seja visto de longe, para que o brilho do rosto não fique em evidência com a iluminação etc.

Compositor: Responsável pela criação da trilha sonora do espetáculo. A trilha é composta pelas musicas incidentais (musicas que dão clima às cenas), efeitos sonoros e as musicas cantadas (no caso de um musical, por exemplo).

O teatro é um trabalho em grupo. Todos precisam estar juntos - na idéia, na criação e nos ensaios - para formar um espetáculo. Nem sempre conseguimos ter uma equipe completa, mas isso não impede a realização de uma boa peça.

Com bons atores interpretando algo que nos toque e uma platéia, já temos um ótimo espetáculo!


Curiosidades:

- Existem excelentes escolas de teatro na cidade de São Paulo. Algumas particulares e outras publicas. Uma das melhores escolas publicas de teatro do Brasil é a Escola de Arte Dramática da ECA/ USP. Maiores informações no site http://www.eca.usp.br/ead

- Grandes musicais funcionam como uma empresa. E possuem, além das funções já citadas, outras: cantores, bailarinos, cabeleireiro, eletricista, maquinista, contra-regra, Iluminador, técnico de luz e som, assistente de direção, diretor de produção, diretor de marketing, entre outras funções.

- Um livro interessante (que aborda assuntos como os que foram citados aqui) com as explicações e significados de diferentes termos do meio teatral é o Dicionário de Teatro de Patrice Pavis, Perpesctiva 1999.

 

VOLTAR