ROTEIRO CULTURAL

A rotina da escola pode ser complementada com uma série de atividades externas. Aqui, denominamos roteiros culturais como saídas com a turma, e que estão diretamente relacionadas ao processo de ensino e aprendizagem dos alunos.

Ir ao cinema, conhecer um parque, encantar-se com uma exposição ou mesmo ficar perplexo assistindo a uma peça são vivências importantíssimas para qualquer um – e em qualquer momento da vida (visto que a aprendizagem é um processo contínuo e inacabado).

Mas deixar que as famílias sejam as únicas responsáveis por este estímulo às crianças pode não ser o suficiente. Muitas vezes os pais não têm acesso a atividades culturais, tempo para levar os filhos, ou não sabem que a cidade oferece inúmeras atrações todos os dias. E muitas delas gratuitas.

Você pode acessar o site de alguns centros culturais para conferir a programação (veja alguns exemplos):
- Itaú Cultural
- CCBB
- CCSP
- CCJ Ruth Cardoso

Ou entrar em um site que reúne as atrações culturais gratuitas de São Paulo (e também de algumas capitais do Brasil): Catraca Livre

Você também pode aproveitar o site oficial de turismo da cidade de São Paulo, e acessar a programação dos espaços públicos de sua região.

Tanto faz a forma de pesquisa. O importante é o acesso às informações. E não são poucas!

O assunto de uma exposição, por exemplo, pode ser trabalhado em diversas áreas do currículo escolar. Você pode pesquisar com os alunos a vida do artista, as formas de expressão, o espaço em que foi exposto; falar sobre museus do mundo e até mesmo fazer uma visita virtual por alguns destes lugares, junto com a turma. Veja aqui (http://catracalivre.folha.uol.com.br/2010/06/conheca-museus-sem-sair-de-casa/) (http://www.facaparte.org.br/palcodigital/index.php/na-estante/visitas-virtuais/)

Pode também incentivar os alunos a mostrarem estes sites aos familiares. Desta maneira, o assunto não termina quando a aula acaba. E novas possibilidades podem surgir a partir da interação com outras pessoas.

Organizar pesquisas sobre atividades culturais acerca da escola ajuda a exercitar uma das questões do trabalho em grupo: a democracia. Faça uma lista das atividades preferidas (ou mesmo, se escolherem ir ao teatro, por exemplo, uma lista das possíveis peças) e trabalhe com a turma as responsabilidades da escolha coletiva.

Você pode marcar uma saída por mês com a turma, e até mesmo um encerramento de semestre com pais e filhos num divertido roteiro cultural!

Para que estas atividades aconteçam de maneira proveitosa, a participação do corpo docente é fundamental. Mais de uma turma podem ir juntas a algum local, e muitas produções podem ser feitas a partir das saídas. E não se esqueça de colocar os resultados no Mural das Escolas!

 

VOLTAR